08/04/2021 às 19:13 Curiosidades Depoimentos Para pais

3 Dicas Para Fotografar Crianças

126
3min de leitura

3 Dicas Para Fotografar Crianças 

Você já tentou fotografar crianças em algum aniversário ou ensaio? Nem sempre é uma missão fácil, porém pode ser recompensadora.

Já fotografei diferentes eventos e em cada um deles conheci crianças com características e personalidades diferentes, algumas mais desconfiadas, outras mais espontâneas, porém sempre consegui registrar os momentos com belas fotos.

Para conseguir um bom retrato ou uma foto documental de qualidade você precisa ser integrado pela criança naquele meio, fotografar sem nenhuma interação fará ela não querer ser fotografada.

Quando uma criança não se sente à vontade com quem está fotografando, ela tende a se esconder, fechar a cara e sentar com os pais com os braços cruzados em um sinal claro que você ainda não possui sua confiança ou aprovação.

Se essa criança for apenas coadjuvante no evento, uma convidada, por exemplo, você ainda terá chance de conseguir ótimas fotos de outras crianças, mas e se ela for a aniversariante? Então você terá um longo caminho para conseguir quebrar o gelo e conseguir boas imagens.

Para ajudar nesse processo de registrar boas fotos de crianças, listei 3 dicas essenciais que serão de grande ajuda para quem quer fotografar os pequenos, seja em um evento ou em um ensaio fotográfico.

Então vamos às dicas...

DICA 1 -  Conquiste a criança

Interaja com a criança como se ela fosse um parceiro de brincadeiras, não entre no papel do adulto que irá mandar nela, seu papel ali não é dar bronca ou exigir coisas, mas sim registrar como ela é com seus pares e outros convidados.

Ganhe a sua confiança com pequenas conversas e fazendo pequenas brincadeiras e desafios, sempre funcionam e rendem ótimas fotos.

Já desafiei um grupo de crianças para saber quem corria mais rápido em um aniversário, ou ainda já fiz imitações de desenhos animados para arrancar algumas risadas, o importante aqui é que você se inclua na realidade que você quer fotografar.

DICA 2 – Não force a barra

Pense comigo: Como conseguir a foto desejada com o mínimo de estresse da criança? Simples. Não estresse a criança. Parece bem lógico, não é?!

Sua interação com os pequenos tem que ser para ganhar a espontaneidade e não para conseguir a pose. Uma vez que você conquistou a criança, não precisará conquistar suas poses, elas fluirão de forma bem mais leve.

As melhores fotos com crianças são nos momentos que elas estão mais à vontade, então não force a barra, pois isso não resultará em boas fotos, além de cortar toda a “vibe” da criança, perdendo a chance de aproveitar o momento de diversão.

Lembre-se, seu papel ali é apenas registrar os momentos, não colocar limites, esse papel deve ser da família.

DICA 3 – De tempo e espaço às crianças

Sinta como está a vontade da criança, pois em alguns momentos será necessário deixar a foto para depois.

Certa vez em uma festa, o aniversariante não queria ser fotografado. Mesmo conversando comigo e interagindo tranquilamente, quando eu começava a fotografá-lo ele fechava a cara. Então decidi fazer outras fotos enquanto ele ainda não se sentia confortável. Comecei registrando a decoração, depois os amigos e família que estavam próximos, logo percebi que a criança estava cada vez mais próxima, logo pedi uma careta e intercalava a foto dos amigos com uma dele, depois o inseri com os outros convidados. Após alguns minutos ele estava me arrastando para tirar foto dele na cama elástica.

Ou seja, dê tempo e espaço, às vezes é só questão de criar vontade na criança.

Lembre-se que para conseguir ótimas fotos precisamos respeitar as crianças, dando-lhes espaço, tempo e voz, escutando e desafiando-a, orientando de forma leve e descontraída e, talvez o mais importante, tornando-nos confiáveis.

Se você conseguir a confiança, terá a atenção e colaboração da criança em grande parte dos momentos.

Geralmente eu sigo essas três dicas várias vezes em um mesmo evento, de forma cíclica. Eu ganho a confiança da criança com alguma brincadeira ou desafio, evito forçar a barra e dou espaço à criança, intercalando fotos da criança à vontade, em grupo, retratos individuais e com família. Percebendo o cansaço da criança em fotografar, inicio o processo novamente, ganho a confiança, evito estresse do pequeno e dou tempo e espaço.

E você, já tentou fotografar uma criança e não deu muito certo? Deixe a sua experiência nos comentários.

Gostou do conteúdo, então compartilha com seus amigos.

Se quiser conhecer um pouco mais do meu trabalho, clique AQUI e AQUI.

08 Abr 2021

3 Dicas Para Fotografar Crianças

Comentar
Facebook
WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Copiar URL

Quem viu também curtiu

04 de Mar de 2019

Dicas Para O Ensaio Fotográfico Perfeito

29 de Mai de 2019

Alívio do Stress (Pré Casamento) Por Meio dos Alimentos

07 de Mai de 2019

3 motivos para você não contratar um fotógrafo!